O primeiro dia na escola…

Alinne cresceu, e foi pra escola.

6 de agosto de 2013     Diário de Mãe, Maternidade     5 comentários

Quem me acompanha no instagram (@dajnablog) já está sabendo que essa semana matriculei minha pequena princesa na escola, até postei fotos do primeiro dia, mas tinha que aparecer aqui no blog pra deixar registrado com detalhes como foi essa novidade.

Eu estava super empolgada, afinal, é um grande passo para a pequena se desenvolver e socializar com outras crianças, já que aqui em casa ela sempre está somente comigo, com o papai dela, ou nós 3 juntos. E foi assim durante 1 ano e 3 meses. Curtimos cada segundo que ela ficou só com a gente, mas chegou a hora de dar um passo importante: a escola.

Antes que alguém pergunte o óbvio, a resposta é: “Não, não achamos que é cedo demais para escola. Eu comecei a estudar com 1 ano e 4 meses e concluí o ensino médio com 15 anos. A faculdade com 19. E minha mãe sempre diz que foi a melhor decisão.”

Logicamente pesquisei e visitei outras escolas antes de escolher para onde mandaria a Alinne, e acredito ter feito uma excelente escolha. As professoras são bem carinhosas e a estrutura da escola é maravilhosa. Enfim, senti confiança e fiz a matrícula. Segunda-feira, dia 05/08/13 foi o primeiro dia. Acordei cedo e não atrasei. Todo o material da nova estudante já estava organizado porque passei o final de semana fazendo isso, QUANTO BAGULHO BRASIL! rs.

Na hora de ir com a professora para a salinha, Alinne foi toda contente e logo começou a brincar. Ela ficou o tempo inteiro sorridente e bem a vontade. Eu e o papai dela ficamos um tempo olhando pelo vidro da sala e depois fomos embora. Eu estava tão animada e nervosa ao mesmo tempo que cheguei em casa e fiz faxina pra ocupar a mente com outra coisa! HAHAHA #aloka

O dia passou bem rápido e no horário combinado eu já estava lá na escola novamente, para pegar a pessoa mais preciosa da minha vida.

De acordo com a professora, ela ficou super tranquila durante a manhã, porém depois do almoço chorou um pouco e ficava na porta como se pedisse pra sair, isso partiu meu coração. Por outro lado, ela almoçou super bem e depois de um tempo conseguiu se acalmar e aproveitou as outras atividades da escola. Ufa! Quando ela me viu na porta pronta para levá-la pra casa, pude ver em seus olhinhos uma felicidade sem tamanho. Ela se jogou em meus braços e me deu até um cheirinho gostoso.

Para um primeiro dia, as coisas correram super bem. Resta ver como ficarão os próximos dias de adaptação, tanto da princesa quanto da mamãe aqui que no segundo dia não conteve a emoção e passou a manhã toda chorando em casa sentindo falta do seu bebê. Mas vai dar tudo certo, é questão de tempo para a família se acostumar.

Toda mãe passa por isso um dia né? Comigo não podia ser diferente…

Palavras-chave: , , ,

Posts Relacionados

Comentários

Comente com o Facebook

Comente com o seu E-mail

  1. 7 de agosto de 2013 às 12:00 pm

    Hahahaha… Imagino que seja um sacrifício ficar “longe” (nem tão longe assim, Srsrss) dessa princesa lindona! Mas é assim mesmo né?! Eu lembro do meu primeiro dia de escola, chorei tanto que nunca esqueci!! kkkkkkk Deus continue abençoando, agora essa nova fase que está apenas iniciando mas que passa muito rápido!!!

    • 8 de agosto de 2013 às 2:18 pm

      Tio Marcão comentando no blog, ebaaa!!! É difícil mas acredito que ela vai se dar muito bem né tio? Um abraço!

  2. 8 de agosto de 2013 às 8:34 am

    Que legal!
    Com meus primeiros filhos, Igor e Cecília, coloquei cedo na escola (1 ano e 6 meses), até pq trabalho na escola e ficaria mais perto deles, mas tb só coloquei pq não tinha ninguém pra cuidar deles durante a manhã. E foi muito bom, eles desenvolveram bastante, mas decidi que com Letícia faria diferente, e não coloquei na escolinha, minha sogra pode ficar com ela e como trabalho até 14h seria muito ruim pra ela ficar na escola até 14h, sendo q ela sai as 11h30, e não teria como alguém pegar, mas ano que vem com certeza ela vai pra escolinha, e terei que dar um jeito nos meus horários, mas isso é só ano que vem. Vou pensando o que fazer até lá. Parabéns pra sua filhota, muito linda!

    • 8 de agosto de 2013 às 2:17 pm

      Passei um desespero de saudade no segundo dia Nique, ahahhaha, mas acredito que com o tempo vamos todos acostumar né? Beijos.

  3. 1 de setembro de 2013 às 4:13 pm

    As primeiras semanas do pedro na escola foram super difíceis, ele só queria ficar agarrado comigo e nos primeiros dias eu ficava lá com ele e depois ia embora. Ai, me arrependo tanto… rs. Infelizmente, é um processo que a maiora das mães passam, e dos pequenos também.

    Um beijo,
    Re

Seu nome:
Seu e-mail:
Seu blog:
Mensagem: